Você está aqui: Página Inicial / Institucional / Notícias / Dezenas de moradores participam das audiências que debatem água e esgoto em Bertioga

Dezenas de moradores participam das audiências que debatem água e esgoto em Bertioga

por ber última modificação 08/12/2015 09h12
Dezenas de pessoas acompanharam nesta quinta-feira, dia 14, a 3ª audiência pública da CAE (Comissão de Assuntos Especiais) da Água e Esgoto, realizada no bairro Maitinga. Moradores e comerciantes da região apontaram os principais problemas da sua localidade, como vazamentos de esgoto nas ruas, que causam mau cheiro e riscos de doenças e, ainda, falhas no fornecimento de água, principalmente nos períodos de temporada e feriados, e água amarelada nas torneiras.

Ao todo, serão realizados 14 encontros deste tipo, para debater questões relativas ao tratamento e fornecimento de água potável e do sistema de esgotamento sanitário da cidade. Representantes da Sabesp tem participado desses eventos. O superintende da empresa na região da Baixada Santista, João César Queiroz Prado esteve nas duas primeiras audiências, dias 11 e 13, no Centro e no Jardim Albatroz I, respectivamente.

 

Durante as audiências, os membros da CAE, o presidente Ivan de Carvalho e os vereadores Beth Consolo e Feliciano, além do vereador Pacífico, que acompanha os trabalhos da comissão, tem se pronunciado sobre os dados colhidos nas ruas. Os moradores dão depoimentos e a empresa Sabesp se manifesta também, por meio de seus representantes, falando sobre investimentos e as soluções possíveis para os questionamentos feitos durante essas reuniões com a comunidade.

 

De acordo com o presidente da CAE, o vereador Ivan, um dos primeiros questionamentos da comissão é quanto à existência de contrato com a empresa Sabesp. Na ausência desse contrato, o serviço prestado pela companhia estaria em acordo inadequado e que não permite, por exemplo, que o município pleiteie convênios ou parcerias com o Governo do Estado, para programas voltados à água e esgoto.

 

O parlamentar ainda contou que os trabalhos da CAE podem culminar na propositura de um plebiscito, que indique o caminho que a maioria da população de Bertioga prefere para a cidade: o de manutenção dos serviços com a empresa Sabesp; municipalização dos serviços de saneamento básico ou a privatização dos mesmos.

 

“Essas audiências tem sido de extrema importância para ouvirmos a comunidade, que é maior interessada em resolver esses problemas. Estamos fazendo um diagnóstico de como estão esses serviços na cidade, também tivemos a presença dos técnicos da Arsesp (Agência Reguladora de Saneamento e Energia no Estado de São Paulo), que estiveram com os membros desta CAE, verificando pontos críticos em vários bairros do município”, afirmou Ivan.

 

Nesta sexta-feira, dia 15, a audiência ocorrerá no Bar do Bomba, na rua Projetada B, nº 98 B, no bairro Vicente de Carvalho II, a partir das 19 horas.

 

Outras audiências

 

Na próxima semana, estão programadas mais quatro audiências, sendo na segunda-feira, dia 18, no Espaço Cidadão, na rua José Costa, nº 138, em Boracéia; na quarta, dia 20, na Igreja Rocha Eterna, na rodovia Rio-Santos, s/n, km 199, em frente a Quadra “C”, em Guaratuba; na quinta, dia 21, na Igreja Católica, na rua Teotônio Vilela, nº 205, no Jardim São Lourenço; e, na sexta, dia 22, na Igreja Evangélica Pentecostal Aliança com Deus, na rua 20, s/n, no Jardim Rio da Granja (Mangue Seco). Todos esses eventos começam às 19 horas.

Banners

 

Mídias Sociais

   YoutubeFlickr

Audiências Públicas

Regularização Fundiária - 23/06/17

Segurança Pública - 30/06/17

 

  Ambulantes - 25/10/2017
Outros vídeos
Pesquisar no LexML
Logotipo do LexML - Rede de informação legislativa e jurídica